Carregando...
Logística no e-commerceNotícias

Prefeitura de Florianópolis atende a ABComm e libera horário de entregas

Prefeitura de Florianópolis atende a ABComm e libera horário de entregas

Associação do comércio eletrônico fez o pedido tendo em vista o isolamento imposto em função da pandemia do coronavírus

A prefeitura de Florianópolis atendeu ao pedido da Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm) e suspendeu as proibições de entregas nos horários e locais vetados por lei municipal. Considerando o impacto da pandemia do Covid-19, que demanda o isolamento dos moradores em suas residências por precaução, o presidente da entidade em Santa Catarina, Cristiano Fogaça Chaussard, encaminhou à Secretaria de Transportes a solicitação. Agora, as entregas poderão ser efetuadas em qualquer horário ou região da cidade.

A medida é parte de um esforço nacional movido pelos diretores regionais da ABComm de todo o Brasil e pelo vice-presidente nacional, Rodrigo Bandeira, para garantir que a atividade possa cumprir na totalidade sua missão nesse momento de crise. Cristiano Chaussard lembra que o comércio eletrônico é uma atividade essencial à sociedade. “A circulação e entrega de bens pode ser a solução mais prática e segura para o desabastecimento das residências florianopolitanas”, afirma. “Supermercados, farmácias e demais comércios essenciais são imprescindíveis ao abastecimento do cidadão nesta situação de alerta.”

Diz o requerimento:

“Considerando que o Decreto 12.374, de 28 de novembro de 2013, que disciplina a circulação de caminhões e operações de carga e descarga na área que especifica, e proíbe a entrada e circulação de veículos de carga em determinados horários em áreas específicas, requer a Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm-SC), por meio de seu presidente, Cristiano Fogaça Chaussard, a suspensão das proibições de entrega nesses horários para as regiões mencionadas pelo decreto, pelo prazo de 30 dias, no Município de Florianópolis.”

A ABComm informa que “fez-se, assim, cumprida a missão de amparar o mercado que regula e de proteger os interesses de seus associados servindo à sociedade com ações que beneficiam a cidadania”.

A decisão da Prefeitura foi publicada no Diário Oficial do Município e pode ser lida na íntegra no link https://www.sc.gov.br/images/PORTARIA_180_1.pdf.

 

Sobre a ABComm

Fundada em 2012, a Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm) surgiu para fomentar o setor de e-commerce com informações relevantes, além de contribuir para seu crescimento no país. A associação reúne representantes de lojas virtuais e prestadores de serviços nas áreas de tecnologia da informação, mídia e meios de pagamento, atuando frente às instituições governamentais em prol da evolução do setor. A entidade sem fins lucrativos é presidida por Mauricio Salvador e possui diretorias específicas criadas para fomentar todo o setor, entre elas: Novos Negócios; Relações Governamentais; Mídias Digitais; Relações Internacionais; Meios de Pagamento; Capacitação; Desenvolvimento Tecnológico; Empreendedorismo e Startups; Jurídica; Métricas e Inteligência de Mercado; Crimes Eletrônicos; e Marketing. Para mais informações, acesse: www.abcomm.org

 

Informações à imprensa

NB Press Comunicação

Tel.: 55 11 3254 6464 / São Paulo / SP

E-mail: abcomm@nbpress.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 × 2 =