Como escrever descrições de produtos que vendem – Abcomm – Associação Brasileira de Comércio Eletrônico
Carregando...
Capacitação

Como escrever descrições de produtos que vendem

Como escrever descrições de produtos que vendem

Qual é o impacto das descrições dos produtos nas vendas?

Então aqui vão algumas dicas para convencer clientes com uma boa descrição de produtos, dando todos os detalhes de que eles precisam.

A maioria das descrições de produtos são terríveis.

Quem realmente lê a cópia nas páginas do seu produto, afinal? Existem tantas outras coisas a serem feitas em um site em termos de otimização da taxa de conversão que a descrição de um produto não pode realmente ter um impacto nas vendas, certo?

Errado.

Na verdade, a evidência de um estudo de e-commerce conduzido pelo Nielsen Norman Group mostra que 20% das compras malsucedidas são devido à falta de informações sobre o produto.

Um dos erros mais comuns cometidos quando se trata de escrever descrições de produtos é que os redatores simplesmente descrevem os produtos, em vez de vendê-los com a descrição para seu público-alvo.

Ter um negócio de e-commerce hoje em dia não é tão fácil como costumava ser.

Os compradores têm tantas possibilidades de escolha, que é uma luta para as empresas se destacarem da concorrência e para os consumidores encontrarem uma marca em que possam confiar.

O que faz a diferença no sucesso é uma mistura de elementos, e o mais importante é ter um conteúdo de produto atraente e otimizado.

O que exatamente é a descrição de um produto?

A descrição do produto é a caracterização do produto que você está vendendo que contém também fotos ou vídeos de alta qualidade e deve ser feita pensando no consumidor.

A descrição do produto deve responder a todas as perguntas do comprador, deve ser feita em um tom adequado ao seu cliente potencial e deve ser completa, precisa e confiável.

Vamos começar!

  1. Defina suas buyer personas antes de escrever suas descrições 

Uma boa descrição de produto começa com uma buyer persona sólida.

  1. Seduza com benefícios

Quando vendemos nossos próprios produtos, ficamos entusiasmados com as características e especificações de cada produto. Vivemos e respiramos nossa empresa, nosso site e nossos produtos.

O problema é que nossos compradores potenciais não estão tão interessados ​​em características e especificações mundanas.

Eles querem saber o que eles ganham – como isso vai resolver seus maiores pontos fracos. A execução bem-sucedida de como escrever uma descrição de produto requer que você destaque os benefícios de cada recurso.

  1. Defina o seu tom de voz

Sua voz é uma das maneiras mais eficazes de diferenciá-lo da concorrência. E é uma ótima maneira de se envolver com seu público específico.

  1. Faça um título criativo

 Títulos são essenciais para livros, textos, emails … Não seria diferente com os produtos, certo? Por isso, não podem faltar títulos originais e persuasivos se pretende atrair pessoas para os seus produtos.

  1. Visuais atraentes e envolventes

Não há segredo para isso: nosso cérebro adora imagens.

  1. Conte a história completa

Uma boa descrição do produto deve fornecer todos os detalhes relevantes, convencer o comprador de seus benefícios e causar um impacto emocional.

  1. Avaliações

Este é o último elemento muito importante. Isso tem um grande impacto na conversão. Bem, não deve surpreender ninguém – a maioria de nós decide fazer uma compra somente depois de verificar as avaliações dos produtos primeiro.

A descrição é a base

A descrição é a base do conteúdo de todo e-commerce, pois é através dela que seu potencial cliente saberá o que ela oferece.

Um bom texto, além de apresentar seu produto, deve gerar confiança e aguçar o desejo de compra.

Resumindo

Você está se perguntando se mencionamos todos os elementos possíveis? Claro que não!

As especificações do seu produto podem incluir qualquer coisa que funcione para o seu negócio. Dimensione tabelas, compartilhe ícones ou slogans cativantes como “38 pessoas estão vendo este produto agora” ou “54 usuários compraram este item hoje” – esta é apenas a ponta do iceberg.

No entanto, se você perceber que alguns elementos não atendem ao seu propósito, livre-se deles.

 

Conteúdo desenvolvido por Josele Delazeri – CCEO da Get Commerce, melhor plataforma de e-commerce do Brasil, e diretora ABComm.

Um comentário
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

três × cinco =