Dicas CAC (custo de aquisição de cliente) para e-commerce – Abcomm – Associação Brasileira de Comércio Eletrônico
Carregando...
VENDAS

Dicas CAC (custo de aquisição de cliente) para e-commerce

Dicas CAC (custo de aquisição de cliente) para e-commerce

Primeiramente, nenhuma empresa pode existir sem clientes. para empresas de e-commerce não poderia ser diferente.

Sobretudo, adquirir novos clientes a cada mês é crucial para construir uma base sólida.

No entanto, fazer isso é um desafio.

O CAC  (custo de aquisição de cliente) é uma métrica que vem crescendo com o surgimento de empresas na Internet.

Bem como, campanhas publicitárias baseadas na web que podem ser rastreadas.

Se você nunca conquistar novos clientes, no entanto, não será capaz de expandir seus negócios. Mas, lembre que também é necessário fidelizar quem já comprou de você.

De fato, você sabe quanto o seu e-commerce lucrou com a última venda?

Sem dúvida, os dados são fortes quando estão reunidos.

Em outras palavras, acabou o tempo em que era suficiente visualizar um único canal isolado.

Dessa forma, conquistar novos clientes é bom. Mas adquirir os novos clientes certos é melhor.

Então, aqui estão algumas das melhores maneiras de adquirir mais clientes para seu e-commerce.

# 1 – Use a ferramenta Facebook Audience Insights

Logo, Facebook Audience Insights é uma ótima maneira de encontrar informações sobre o seu público alvo.

Frequentemente, como seus interesses e estilos de vida.

Não raro, usando esta ferramenta, você pode criar seu tipo de público.

Também, selecionar o grupo alvo de pessoas no Facebook ou na sua página.

Assim, analisar seu público para saber o que eles gostam ou não.

Então, preparar suas campanhas de acordo.

# 2 – Melhorar as métricas de conversão no site

Portanto, é possível definir metas no Google Analytics e realizar testes de divisão A / B.

Assim sendo, com novos sistemas de checkout para reduzir a taxa de abandono do carrinho de compras.

Também, melhorar a página de destino, velocidade do site, otimização móvel.

Além disso, outros fatores para melhorar o desempenho geral do site.

# 3 – Descubra o seu custo de aquisição de cliente ideal  

Certamente, a primeira etapa para reduzir os custos de aquisição é descobrir quanto deve gastar.

Em suma, a fórmula para o CAC é simples.

Deste modo, divida seu custo total de vendas e marketing pelo número de novos clientes.

Se você gastar R$ 100 e conseguir 10 novos clientes, terá gasto R$ 10 para adquirir cada cliente.

A priori, lembre-se de que há alguma variação no custo de aquisição de clientes por setor.

# 4 – Simplifique a tomada de decisões, concentrando-se nas métricas corretas

Deste modo, existem muitas métricas que você pode ver ao avaliar seus esforços de marketing pago.

Em síntese, o truque é saber quais são realmente importantes para que você saiba no que se concentrar.

# 5 – Custo por milha (CPM)

Por exemplo, em uma plataforma baseada em leilão como o Facebook.

De fato, o custo por mil (CPM) se refere ao que você paga por 1.000 impressões.

Ou “visualizações de anúncios”.

# 6 – Aperfeiçoe sua Proposta de Venda Única (USP)

Desde já, a diferenciação é a chave do seu sucesso.

Dessa forma, sua Proposta de Venda Única é o que o distingue de todos e de tudo o mais.

Se você não sabe qual é a sua USP.

Portanto, você não sabe por que seus clientes deveriam comprar de você em vez de do outro.

# 7 – Priorize os canais mais eficazes

Naturalmente, nem todos os métodos de aquisição são igualmente eficazes.

Acima de tudo, analise-os separadamente para descobrir quais deles trazem clientes mais qualificados.

Métricas financeiras

Desde já, você deve estar se perguntando, o que posso fazer para reduzir o CAC?

Se você acha que seu CAC está alto, não se preocupe.

Nesse sentido, há muito que você pode fazer para diminuí-lo.

Mas primeiro, entenda a causa de seu CAC elevado.

Principalmente, faça isso voltando à fórmula CAC e dividindo-a.

Então, para diminuir o CAC, você pode reduzir o custo total de vendas e marketing.

Ou aumentar o número de novos clientes.

Em resumo, o o CAC é apenas um número – e pode ser bom ou ruim.

Em primeiro lugar, dependendo do comportamento de compra futuro dos clientes que você acabou de adquirir.

Se você conseguiu um comprador único, então R$ 10 era provavelmente um alto custo a pagar.

Mas se você conseguiu um cliente que volta e faz compras a cada duas semanas.

Então, R$ 10 pode ter sido um investimento razoável.

Enfim, o CAC é o exemplo perfeito de como as métricas financeiras devem ser a base.

De fato, para a tomada de decisões de negócios.

 

Conteúdo desenvolvido por Josele Delazeri – CCEO da Get Commerce, melhor plataforma de e-commerce do Brasil, e diretora ABComm.

Um comentário
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezoito − dezesseis =