Carregando...
Black FridayVENDAS

6 dicas para preparar seu e-commerce para a Black Friday

6 dicas para preparar seu e-commerce para a Black Friday

Já estamos no mês de novembro e isso pode significar um aumento significativo das vendas do seu e-commerce. Isso porque sua campanha de Black Friday deve aumentar a procura de produtos da sua loja virtual.

Em 2018, apenas na quinta e na própria sexta-feira do evento, o e-commerce brasileiro faturou R$2,6 bilhões, 23% a mais que em 2017. Os dados são do eBit/Nielsen, que previam um crescimento menor, de 15%, para o período. Além de o faturamento crescer, o tíquete médio também aumentou 8% e foi a R$608 no ano passado. Foram 2,41 milhões de pessoas comprando online na Black Friday de 2018!

Para 2019, a expectativa é de que o faturamento do e-commerce aumente 18% e chegue a R$3 bilhões, conforme estudos da Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm) e da consultoria Ebit/Nielsen. E, se você vende pela internet, pode embarcar na campanha da Black Friday para alavancar suas vendas!

Entretanto, é preciso prestar atenção a alguns detalhes para que, de fato, seu e-commerce tenha sucesso na data. Por isso, preparamos algumas dicas para que seu negócio tenha uma ótima Black Friday. Vamos a elas?

 

  1. Organize seu estoque

Antes de sair anunciando promoções de Black Friday, organize bem seu estoque. Conte todos os produtos e confira se as quantidades estão corretas na sua loja virtual. Dessa forma, você evita vender produtos que já estão esgotados ou deixar mercadorias encalhadas no seu estoque porque elas não apareceram como disponíveis no seu e-commerce.

Além disso, esse momento de organização do estoque vai te ajudar a identificar, por exemplo, aqueles produtos que tiveram vendas abaixo do que você previu. Assim, você consegue pensar em uma promoção para dar vazão a eles na Black Friday.

 

  1. Escolha bem os produtos que vão entrar na promoção

Depois de mapear os produtos disponíveis no seu estoque, você deve identificar quais podem entrar em eventuais promoções. Esse passo é importante porque nem todos os artigos que você vende te dão uma margem de lucro suficiente para que você ofereça grandes descontos.

Logo, você precisa identificar quais produtos podem entrar em promoção e quais serão as ofertas. Assim, você evita problemas no seu caixa. Afinal, não adianta vender mais e sair no prejuízo.

Se você não conseguir oferecer muitos descontos em uma grande variedade de produtos, pode pensar em outras estratégias, como kits promocionais, brindes e estratégias diferenciadas de frete.

 

  1. Seja honesto

Os consumidores estão cada vez mais atentos às promoções na internet. Portanto, não tente enganá-los com descontos depois de aumentar o preço dos produtos, por exemplo. Muito provavelmente eles perceberão e isso pode prejudicar sua marca!

 

  1. Esteja preparado para demoras na entrega

Como durante a Black Friday o número de vendas online cresce, a demanda dos serviços de entrega aumenta consideravelmente, podendo causar demora no frete. Quanto ao prazo, não há muito que você possa fazer, mas é possível alinhar a expectativa dos seus clientes.

Deixe claro no seu site, no momento do checkout, que o prazo para as entregas nessa época pode ser maior. Os consumidores não costumam identificar o que é responsabilidade da transportadora e o que é da alçada da loja. Se acharem que a entrega demorou muito, vão associar esse problema ao seu e-commerce. Portanto, deixe-os cientes de que pode haver atrasos.

 

  1. Planeje a logística reversa

De acordo com o Código do Consumidor, os clientes têm até 7 dias após o recebimento dos produtos para se arrepender da compra. Como na Black Friday o número de pedidos deve aumentar e você deve vender para novos clientes, a probabilidade de que haja trocas aumenta.

Portanto, você deve estar preparado para receber os produtos de volta e enviar os novos. Esse processo é chamado de logística reversa e tanto os próprios Correios quanto outras transportadoras oferecem serviços específicos para esses casos.

 

  1. Foco nos carrinhos abandonados

Com o aumento do tráfego no seu site, é provável que alguns visitantes coloquem produtos no carrinho e desistam da compra. É claro que essa não é a situação ideal, mas não desista dos carrinhos abandonados!

Um estudo do site Moosend aponta que e-mails lembrando o cliente da compra não finalizada costumam ter uma taxa de conversão de cerca de 11%. Portanto, prepare uma mensagem para os usuários que tiverem colocado produtos no carrinho e desistido, pois isso deve trazer alguns resultados! Você pode até oferecer benefícios para que eles concluam a transação.

 

Para que seu e-commerce tenha sucesso na campanha de Black Friday, você precisa prepará-lo. Dessa forma, você consegue atender à demanda dos clientes sedentos por ofertas sem sufoco!

Se você ainda não tem muita certeza do que pode fazer para alavancar suas vendas em uma das datas mais importantes para o varejo, pode conversar com o Nimbus. Esse assistente digital vai te indicar conteúdos que vão ajudar na sua estratégia!

E, então, está preparado para a Black Friday 2019?

Informações da autora

Victoria Salemi é a editora responsável pelas parcerias de conteúdo da Nuvemshop, a maior plataforma de e-commerce da América Latina em lojas ativas. Formada em Jornalismo, ama escrever e tornar assuntos complicados acessíveis a todos!

E-mail Gravatar: victoria.salemi@nuvemshop.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

5 × 3 =