Carregando...
TECNOLOGIA

Busca comportamental da SmartHint, que personaliza a experiência, agora disponível para o mercado

Busca comportamental da SmartHint, que personaliza a experiência, agora disponível para o mercado

A busca comportamental, nova funcionalidade da busca inteligente da SmartHint, lançada recentemente para quem já era cliente, agora está disponível também para o mercado.

“Como é de praxe, assim que criamos a funcionalidade, disponibilizamos para os nossos clientes. Como houve aprovação e um retorno satisfatório, decidimos lançar para o mercado todo”, explica Rodrigo Schiavini, CEO da SmartHint.

Rodrigo conta que é uma prática da empresa lançar as novidades primeiro para os clientes: “Sempre que lançamos uma nova tecnologia, priorizamos mostrar em primeiro lugar para os nossos clientes. Assim, desenvolvemos juntos a melhoria da solução. Pois ninguém melhor do que o cliente para dizer se funciona ou não funciona e o que pode melhorar”.

Assim, todos os clientes que hoje possuem a busca inteligente da SmartHint já estão com a busca comportamental rodando em suas lojas virtuais e quem contratar a ferramenta a partir de agora também terá acesso a essa tecnologia.

Como a busca comportamental funciona

A busca comportamental, como o próprio nome diz, faz uso de análises do comportamento dos usuários dentro da loja, para mostrar os resultados mais relevantes no campo de busca. Isso significa que a busca agora também é personalizada, assim como já acontecia com as vitrines autônomas de recomendação da SmartHint.

Rodrigo Schiavini explica que o objetivo da SmartHint ao utilizar a personalização é elevar a experiência de compra dentro das lojas virtuais:

“O nosso propósito é elevar a experiência de compra do e-commerce, através da personalização dessa experiência. Para isso, usamos inteligência artificial, pois ela é capaz de automatizar os processos e levar maior assertividade para as personalizações”.

A busca inteligente já possuía alta velocidade, similaridade fonética e busca por cor com reconhecimento de imagem, tudo com inteligência artificial. E agora possui também a busca comportamental.

Funciona assim: a inteligência artificial analisa todos os passos do cliente dentro da loja: buscas que faz e vitrines, produtos e categorias em que clica. Assim, vai entendendo o perfil, o gosto e as preferências desse consumidor.

Por exemplo, se uma pessoa entrou em um site de moda e clicou na categoria de calças e depois clicou em calças jeans, a inteligência entende que essa é a preferência desse usuário e depois, mesmo que ele digite apenas “calça” no campo de busca, sem especificar o tipo, os primeiros resultados serão de calças jeans iguais e semelhantes às que essa pessoa demonstrou interesse anteriormente.

“Dessa forma, a busca se torna mais personalizada e mais eficaz, pois o cliente encontra logo o que realmente deseja. E, com isso, a experiência dele fica muito mais prazerosa e as chances de efetivar a compra e retornar ao site aumentam expressivamente”, afirma Rodrigo Schiavini.

Homer Simpson explica a busca comportamental

Neste vídeo explicativo, o famoso personagem Homer Simpson mostra de forma simples e descontraída como a busca comportamental funciona e como ajuda o consumidor na jornada de compra, confira:

 

Quer saber mais sobre a busca inteligente e as outras ferramentas da SmartHint? Confira aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

20 − 18 =