O impacto transformador do mundo gamer no ambiente de trabalho – Abcomm – Associação Brasileira de Comércio Eletrônico
Carregando...
MERCADO DIGITALNotícias

O impacto transformador do mundo gamer no ambiente de trabalho

O impacto transformador do mundo gamer no ambiente de trabalho

Artigo por Graziela Fior, Gerente de Marketing e Digital da Estoquee

A indústria gamer segue com grande potencial no Brasil. De acordo com dados de 2023 da Newzoo, o país está na décima posição no mercado de games do mundo. São mais de 100 milhões de jogadores, que gastaram nada menos que US$ 2,7 bilhões em 2022.

Com lucros crescentes, a tendência é de ainda mais sucesso nos próximos anos. Segundo a

Graziela Fior, Gerente de Marketing e Digital da Estoquee

Abragames (Associação Brasileira das Empresas Desenvolvedoras de Jogos Digitais), aproximadamente 74% da população brasileira joga atualmente, gerando grandes oportunidades para empresas que produzem artigos que otimizam a experiência dos jogadores.

No entanto, não são apenas os gamers que se beneficiam dos itens criados para gerar melhor comodidade nas várias horas em que as pessoas permanecem sentadas. Com a tendência de jornadas de trabalho de escritório híbridas (na empresa e em casa) ou em esquema remoto (home office), tornou-se comum a procura por cadeiras e acessórios projetados para jogos. Isso aponta para a busca por conforto e estilo na jornada de trabalho e para o fato de que muitos profissionais – e seus familiares – têm nos jogos uma importante atividade de lazer.

Febre pós pandemia  

De médicos a executivos, estudantes a jogadores, após a pandemia da Covid-19, a procura por cadeiras gamer explodiu. Neste cenário, os youtubers e demais influenciadores digitais tiveram grande poder de influência.

Nas redes sociais, ganharam destaque cadeiras gamer como design criativo e confortável, com boas avaliações dos usuários no comércio online. Quanto maior o custo-benefício, qualidade, conforto e ergonomia, mas altas as avaliações.

Nesta conjuntura, as cadeiras são, de longe, os itens mais procurados por profissionais que adotam o trabalho remoto, como os de TI (Tecnologia da Informação), RH (Recursos Humanos) e Comunicação, apenas para citar alguns. Atualmente, os fabricantes de mobiliário gamer não conhecem limites para design e estilo. São vários modelos favoritos que se tornam virais no atacado e varejo, nos marketplaces e lojas online.

Gamificação e ambiente corporativo

A influência do mundo gamer no ambiente de trabalho não se limita apenas ao conforto físico. A cultura gamer também tem impactado a forma como as equipes interagem e colaboram. A gamificação, que utiliza elementos de design de jogos em contextos não relacionados a jogos, tem sido adotada por empresas para aumentar a motivação e o engajamento dos funcionários. Elementos como pontuação, competições e recompensas são incorporados em tarefas diárias, transformando rotinas monótonas em atividades mais dinâmicas e estimulantes.

Além disso, a mentalidade de resolução de problemas e a abordagem estratégica comuns entre os gamers estão sendo valorizadas no ambiente corporativo. Profissionais que jogam regularmente desenvolvem habilidades como pensamento crítico, tomada de decisão rápida e capacidade de adaptação, que são transferíveis para o local de trabalho.

Trabalho em equipe

A colaboração em equipe, outro pilar fundamental nos jogos multiplayer, também encontra paralelos no ambiente de trabalho. Jogadores acostumados a trabalhar em conjunto para alcançar objetivos comuns em jogos podem aplicar essa experiência para melhorar a dinâmica de equipe e a comunicação no escritório. Isso é especialmente relevante em projetos que requerem coordenação e cooperação entre diferentes departamentos ou especialidades.

Tecnologias emergentes 

A indústria de jogos também tem contribuído para o desenvolvimento de tecnologias emergentes, como realidade virtual (VR) e realidade aumentada (AR), que já são começando a ser utilizadas em treinamentos e simulações corporativas. Essas tecnologias oferecem experiências imersivas a fim de facilitar o aprendizado e a retenção de informações, além de permitir simulações de cenários que seriam difíceis ou perigosos de recriar na vida real.

Em resumo, o impacto do mundo gamer no ambiente de trabalho é multifacetado, estendendo-se além do mobiliário ergonômico e influenciando a cultura corporativa, as práticas de trabalho e até mesmo o desenvolvimento profissional. À medida que a indústria de jogos continua a crescer e a se integrar em diferentes aspectos da vida cotidiana, é provável que sua influência no ambiente de trabalho também continue a se expandir.

*Artigo por Graziela Fior, Gerente de Marketing e Digital da Estoquee

Sobre a Estoquee — Empresa B2B voltada ao varejo e atacado de produtos multicategoria. Localizada em São Paulo (SP) e Jandira (SP), atende vendedores de lojas físicas, online e marketplaces. Ela faz parte do Grupo Centex, que atua na cadeia de suprimentos internacional de armazenamento e logística expressa, com mais de 20 anos de experiência no mercado brasileiro. A Estoquee oferece milhares de produtos de qualidade em categorias como Ferramentas, Fitness, Lazer, Escritório, Pet, Casa e mais, com preços competitivos e entrega rápida, sendo a parceira ideal para quem quer prosperar no varejo e ter altas margens de lucro. Mais informações podem ser acessadas em: www.estoquee.com.br.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

vinte − 14 =